10/08/2015

Uma Odisseia no Espaço 2001

Postado por Jader Dalmas |

No alvorecer da humanidade, a fome e os predadores já ameaçavam de extinção a incipiente espécie humana. Até que a chegada de um objeto impossível, além da compreensão das mentes limitadas do homem pré-histórico, prenunciasse o caminho da evolução. Milhões de anos depois, a descoberta de um enigmático monolito soterrado na Lua deixa os cientistas perplexos. Para investigar esse mistério, a Terra envia para o espaço uma nave tripulada por uma equipe altamente treinada, assistida por um computador autoconsciente. Do passado distante ao ano de 2001, da África a Júpiter, dos homens-macacos à inteligência artificial HAL 9000, penetre a visão de um futuro que poderia ter sido, uma sofisticada alegoria sobre a história do mundo idealizada pela mente brilhante de Arthur C. Clarke e imortalizada nas telas do cinema por Stanley Kubrick.

Uma odisseia no espaço 2001 é um livro de ficção sobre a exploração do espaço e a integração e dependência robótica e tecnológica dos equipamentos envolvidos em uma viagem espacial. Além disso, o livro é dividido em partes que mostram a evolução de uma civilização que passa a ter o conhecimento de uma civilização mais velha e acaba por evoluir na busca de civilizações mais antigas e dos rastros por estas deixado para que outras civilizações fossem identificadas. Resumos de outros livros os quais foram usados como base para a escrita deste livro explicam muito sobre a evolução e o tema cíclico desta odisseia, que por fim tem a exploração do nosso passado, mas pode servir como ajuda para um futuro de uma outra civilização.

Para quem gosta de livros sobre ficção científica, este é ideal, uma vez que conta a evolução das civilizações e o modo cíclico que pode ser empregado para explicar o desenvolvimento, exploração e contato com outras civilizações que as incentivam também a evoluir, mas sem saber que a civilização que os ajudou pode já ter sido extinta.

O que mais me chamou atenção no livro foi o modo como o autor trabalhou a divisão dos livros, pois a base para a criação da odisseia foi um material muito mais desenvolvido para justificar o final e não a inspiração para a odisseia.

Em suma, este é um livro de ficção científica o qual enozará muitas mentes com seu modelo tanto de concepção como o de passar o conhecimento cíclico de civilizações exemplificando como seria o nosso ciclo de evolução. Assim, a divisão do livro contribui para a evolução e exploração espacial, tendo outros livros que foram a inspiração deste que complementam com o contato com civilizações antigas e novas.

0 comentários:

Subscribe