03/12/2011

Chama Imortal

Postado por Liliane Cristine |

 Por quanto tempo perdura um verdadeiro amor?

O tempo pode apagar a chama ardente da paixão? 

O belo romance “Chama Imortal” mostra que o verdadeiro amor, não somente permanece por uma vida, mas dura para sempre, através de uma bela ficção. A autora narra a estória de um casal (Nivar e Lohanna) que encontrará no transcorrer da vida a maior recompensa de nossa temporal existência, a saber, o amor. Afinal, o verdadeiro amor transpõe os liames da existência humana, se perpetuando por gerações na eternidade. Nem o tempo, nem a distância, podem apagar a Chama Imortal da paixão. O romance mais belo de 2010, que tem levado vários leitores a uma reflexão sobre os limites do verdadeiro amor. Conheça a saga dos guerreiros imortais, uma grande aventura cheia de romantismo, encanto e magia que vai te conquistar.

Chama Imortal é um romance brasileiro da autora Valentine Cirano, que narra à história de dois jovens guerreiros que devido o grande amor que nutrem um pelo outro, foram juntos em busca do templo de Achi, no sonho de viverem eternamente juntos. A morada de Achi tem o poder de conceder a imortalidade do corpo e do espírito e os dois jovens Nivar e Lohanna sem ao menos saber as verdadeiras condições, arriscaram tudo para serem imortais na esperança de viverem uma vida eterna...

Gostei muito da história e da desenvoltura da autora na forma de escrever. Narrar sobre um amor perpetuando sobre séculos, trazendo as mais diversas experiências do que poderia acontecer a um indivíduo imortal, mas também o dissabor ao vagar pela face da terra sem nenhum propósito ou destino, foi sem dúvida uma temática muito interessante e reflexiva.

Já imaginou se fossemos seres imortais? Como seriam nossas expectativas e relações pessoais? Seríamos seres preocupados com o destino? Afinal temos a eternidade, para que se preocupar com ele...
Como seres mortais que somos a maioria de nós tem justamente a preocupação em concretizar o máximo de realizações possíveis, já que a vida é curta, fazemos então o possível para vivê-la da melhor forma possível, buscando incansavelmente a realização de todos os nossos objetivos de vida.

Voltando ao livro, em minha opinião o maior destaque foi o personagem Nivar. Encantei-me desde o princípio com sua coragem, força, caráter e principalmente a sua forma de ver o mundo com sabedoria e simplicidade. Lohanna já o contrário, me fez ver o quanto um ser humano pode ser vaidoso e orgulhoso. Apesar de amar Nivar, amava muito mais a sua vida errante, solitária, por medo de se entregar a felicidade eterna. Apesar de o contexto ser totalmente fictício, a história oferece muita reflexão.

Quem nunca, devido os obstáculos e desafios da vida, desistiu de uma oportunidade de amar verdadeiramente alguém? Na história Lohanna errou, mas como seres imperfeitos que somos, tão temerosos e orgulhosos, achamos que outras excelentes oportunidades e experiências sempre estarão por vir...

Só tenho dois pontos negativos a falar a respeito do livro. Mesmo o livro tendo um final previsível, esperava um acontecimento e um motivo mais marcante para a mudança de Lohanna. Nivar sofreu demais por causa dela, vivendo séculos mendigando o seu amor e Lohanna apesar de amá-lo, foi totalmente egocêntrica e temerosa em enfrentar os obstáculos da vida pelo seu grande amor. Para mim, ela deveria ter sofrido muito mais para valorizar o amor de Nivar. O outro ponto, é que eu gostaria que a autora tivesse descrito muito mais fatos históricos no livro. Já que os personagens viveram por séculos, seria muito interessante integrar acontecimentos reais na vida de seus personagens. Os poucos que contiveram, ficaram rasos, não dando tanta consistência, tornado-se assim os fatos cronológicos logo esquecidos...

Mas em suma, o livro é muito bom! Apesar de ser ficção traz uma ótima reflexão que nos faz pensar sobre o amor acima de todas as coisas da vida...

E se quiserem saber mais sobre os trabalhos da autora cliquem nos links abaixo:

http://valentinecirano.blogspot.com/
http://twitter.com/valentinecirano

4 comentários:

Daniela Tiemi disse...

Parece mto bom o livro.
Sempre me surpreendo com estes novos autores nacionais. AdorooO!
=0)

Apesar dos pontos negativos, fiquei com vontade de ler este livro.

Bjo.

Carol D. disse...

Adorei a resenha :D
Quando você falou sobre a reflexão da vida de um imortal, eu me lembrei instantaneamente dos vampiros de Anne Rice - que preciso ler urgente! kkk Seria bem legal se tivessem mais acontecimentos históricos com a vida dos personagens :)
bjs
Carol - Open Page

Aline Maciel disse...

Já havia lido comentários sobre esse livro que tinha me despertado uma certa curiosidade em lê-lo, depois que do que comentaram sobre ele aqui, me deixou ainda mais na vontade de lê-lo e conhecer essa história. Parabéns adorei!
Estou seguindo o blog.
Sucesso!!
Se puder da uma passadinha lá no meu blog, falamos de livros, filmes e séries. Beijos.

http://criticandoporai.blogspot.com/

Lili disse...

Olá meninas,

Obrigada pla visita e comentário! De fato o livro é muito bom, mesmo com alguns pontos negativos, recomendo vocês lerem e tomarem suas próprias conclusões. Depois se for possível voltem aqui e comentem o que acharam...

Beijos
Lili

Subscribe