21/06/2011

Será que realmente sabemos fazer uma resenha?

Postado por Liliane Cristine |

Oi pessoal!

Desta vez a postagem além de ser um desabafo, pretendo também interar o máximo de blogueiras(os) e leitores que procuram sempre ler uma resenha sobre algum livro que tem interesse. Vocês podem estar concordando ou não com o que pretendo tratar desta vez aqui. Mas, seria muito legal se pudéssemos trocar idéias construtivas e quem sabe auxiliar quem tem dificuldade ou dúvida sobre como elaborar uma boa resenha. E começo perguntando: Será que realmente sabemos elaborar uma resenha?

Antes de começar a escrever, dei uma pesquisada sobre o assunto e vi muitos passos a passos de como criar uma e tal... Apesar de achar interessante, acredito que na blogosfera não precisamos de fato fazer uma RESENHA que nada mais é (segundo fonte Wikipédia) uma abordagem que se propõe a construção de relações entre as propriedades de um objeto analisado, descrevendo-o e enumerando aspectos considerados relevantes sobre ele. No jornalismo, é utilizado como forma de prestação de serviço. É texto de origem opinativa e, portanto, reúne comentários de origem pessoal e julgamentos do resenhador sobre o valor do que é analisado.O objeto resenhado pode ser de qualquer natureza: um romance, um filme, um álbum, uma peça de teatro ou mesmo um jogo de futebol.

Portanto, bastante acadêmico não? Sinceramente, depois desta pesquisa e de muitas outras fontes, pude ver que não estou habilitada pra tanto. Como disse a minha amiga Vivi, do blog Romance Gracinha, agora a pouco no twitter trocando algumas idéias, ela disse que o que ela faz no blog é compartilhar as suas impressões de leituras. Suas “resenhas” são muito passionais, sentimentais demais para serem levadas a sério... Definitivamente concordo com ela! Afinal, não quero expor de forma tão técnica as minhas impressões dos livros que leio e acredito que a maioria que está presente conosco nesse meio também não.

Podemos então de fato não fazer uma RESENHA. Mas, acho importante a gente ter o máximo de cuidado com o que realmente vale a pena ser dito e o como deve ser exposto, seja nos blogs, nas redes sociais e etc.

Por exemplo, dando uma olhada nas resenhas dos leitores na rede social Skoob. Pude constar o exagero de spoilers e muitas delas com o resumo completo do livro. Isso acaba com a vontade de qualquer leitor em ler o livro. A sinopse já faz um breve resumo do livro que também dependendo de quem criou comete o erro em dizer coisas que não deveria. Então, por que vamos continuar resumindo mais a história do livro?

Um ano atrás, mais ou menos, recebi uma dica preciosa (novamente) da minha amiga Vivi, quando eu fazia parte do Desafio Literário criado pela própria para nós aficionados por leituras. Ela nos ofereceu umas dicas de como fazer sem errar uma “resenha” dos livros que lemos que eu até hoje ainda em alguns posts apresento. Alguns passos que podem auxiliar:

  • O livro é sobre... (descreva muito resumidamente, sem detalhar e revelar as principais tramas do livro)
  • Eu escolhi esse livro porque...
  • A leitura foi...
  • Algum destaque?  
  • Sinopse:
  • Recomendo? Ou a minha nota é...
Somente isso! Singelo mas bastante eficiente para o que pretendemos expor nos blogs, não acham?

Quando vejo alguns blogs ou até mesmo no skoob com textos tão grandes descrevendo tanta coisa dos livros, sinceramente me desanima. Precisamos tomar cuidado e isso serve incluindo a própria aqui que escreve. Ninguém está livre de cometer tais erros ou enganos. Precisamos nos policiar e sempre nos auto-avaliar para saber se o que realmente fazemos irá ser legal para os outros também. Afinal, o blog é público, outras pessoas estarão lendo o que você escreveu, portanto, precisamos ter o cuidado constante em saber o que realmente importa escrever sobre nossas leituras e principalmente ter a responsabilidade de não ficar expondo spoilers e resumos tão reveladores.

Essa é a minha opinião. E quero deixar claro que não estou apontando para ninguém, isso também serve para mim mesma. Podemos colocar nossas impressões, mas vamos ter o cuidado em apresentar os nossos textos sem grandes revelações e claro tendo cuidado também com a nossa língua portuguesa, que é tão difícil, mas que se queremos fazer bonito, precisamos constantemente estar nos reciclando, correndo atrás mesmo para não cometer erros e gafes, muitas vezes descuidados em nossas postagens...

Desculpa o desabafo grande! Mas, espero que isso crie uma boa discussão! ;)

Beijos

23 comentários:

Lilian disse...

sabe Lili, as pessoas são tão desinteressadas sobre aprender a fazer melhor suas resenhas, que eu tenho até preguiça de comentar o assunto. pra mim, virou murro em ponta de faca: pessoal não tá nem aí, escreve de qualquer jeito, fala demais por achar que fala bonito, resume o livro em vez de dar opinião... então, quando me deparo com uma resenha assim, nem leio mais, se é em blog. e no caso do Skoob, aquele povo me irrita. e mais das vezes eles são tão agressivos que eu nem perco meu tempo lendo ou comentando o que escrevem lá.

nem todo mundo se cansou de tentar, como vc. espero que pelo menos alguém tome proveito dessas dicas e procure escrever melhor. estou cansada de ler 'resenha' que não passa de uma sinopse gigante e de ler spoiler sem aviso nenhum.

mas vc está certa. de vez em quando, é bom discutirmos, partilharmos opiniões, aprendermos alguma coisa. toda estagnação é negativa! valeu pela iniciativa.

bjs!

Dandra disse...

Ótimo post Lili!

Eu realmente não sei se faço resenha crítica ou compartilho as minhas impressões de leituras. Prefiro ficar com a segunda. Fazer uma resenha crítica, requer um tom imparcial, mas eu não consigo fazer isso, principalmente quando o livro mexe tanto comigo.

Esses passos que você citou são muito bons. Vou tentar usá-los numa próxima "impressão de leitura" :)

Bjs

Débora Lauton disse...

Oi Lili,

Que coincidência, ontem mesmo estava pensando sobre isso... sabe, fazer uma resenha... também acho que não sou capacitada para tal feito e por isso sempre falo que fiz um post...
Sabe, sinceramente eu costumava gostar mais de ler blogs literários há uns 2 ou 3 anos atrás... eram bem bem bem menos e as opiniões eram também mais sinceras...
Hoje como existem centenas (pelo menos essa é a minha impressão) nem sempre é fácil separar o joio do trigo e as vezes fico um pouco chateada por ver blogs bem trabalhados, com críticas simples, mas bem montadas com poucos comentários... enquanto outros que escrevem uma linha de autoria própria (o restante é tudo sinopse, capa e contra capa) com um montão de seguidores e comentários...
Bem, mas isso também é outro assunto, né??
Também detesto quando alguém escreve um spoiler sem eu pedir... sou super curiosa, sabe?? e geralmente quando leio algo e me avisam que tem spoiler eu leio e não ligo... mas quando me tiram essa opção, fico realmente frustada...
Desculpa eu ter aproveitado o seu desabafo pra fazer o meu também...

beijos,
Dé...

Lili disse...

Oi Dé! Eu como você tb visito poucos blogs agora, ainda mais pela falta de tempo que estou no momento. Quero que vc saiba que gosto muito das suas postagens! E concordo com vc a respeito das outras coisas, isso daria um assunto longo mesmo! rs
Mas, nada é perfeito né?! O jeito é a gente se habituar com o que tá por aí, mas procurar nos melhorar e quem quiser seguir isso tb só tem a ganhar ;)

beijos
Lili

Lili disse...

Oi Dandra, adorei seu comentário! Achei muito interessante o que vc disse, sobre ter um tom imparcial nas resenhas para realmente ela ser crítica. Muito interessante! Acho mesmo difícil! A gente se envolve tanto né?! Talvez negativamente seja mais facil rs Afinal, quando o livro não agrada o tom fica bem direto e crítico mesmo rsrs
Obrigada pelo comentário!
Beijos

Lili disse...

Lee, valeu amiga! Bom ter o seu apoio aqui! Sabe que admiro muito vc! E fiquei lisonjeada com seu tweet agora a pouco! hehe

Tá, tá bom! Não vou dizer mais nada senão vc não me visita mais aqui! hahaha

Obrigada pelo seu comentário! Sempre direto e muito sincero ;)

Beijos

Haushinka disse...

Oi Lili,

Quando eu fui pesquisar como fazer uma resenha para poder começar o meu blog eu achei que não ia ser capaz de fazer uma resenha, já que é necessario manter a imparcialidade.
Fazer uma "impressão literaria" também é muito dificil, por mais que a imparcialidade não seja necessaria, é importante tomar cuidados com certas coisas também.
Sei que estou longe de conseguir fazer uma boa "impressão literaria", mais sempre procuro melhorar, e talvez isso seja o mais importante.

Acho interessante essa sua iniciativa de debater isso.

Beijos.

Sweet-Lemmon disse...

Eu concordo em parte quando se diz que o que lemos em blogs (o que nós mesmo (a)s fazemos) não seja exatamente uma resenha. Eu acho que é uma resenha tendo em vista que é uma opinião sobre um livro mas ao mesmo tempo não é algo técnica. Profissional. Como eu disse no Twitter, eu, particularmente, não gosto de resenhas estritamente técnicas. Um filme, livro, etc pode ser perfeito tecnicamente mas a estória ser chatíssima.
Acho que quando uma pessoa lê uma resenha em um blog, ela está procurando mais informações sobre o livro e o que o resenhista/bloguer achou do mesmo. E, sério, acho que tudo também tem a questão do gosto pessoal. É por isso que não gosto, por exemplo, de dizer ‘não leia tal livro’ mesmo se eu tenha odiado a estória. Acho que o resenhista deve dar sua opinião sobre a obra mas não decidir pelo leitor.
Acho que a boa resenha deve ser uma mistura do técnico com o emotivo (não que eu particularmente faça isso, mas estou tentando:D)

Mas em relação às resenhas, sejam elas ‘técnicas’ ou não, percebo que muita gente não consegue saber ao certo o que é uma resenha- resenha não é uma sinopse estendida ou um resumo do livro. E, não, resenhas não devem conter spoilers.

Em se tratando de resenhas em lugares como Skoob vejo que os brasileiros estão muito aquém do que vemos em sites como o Goodreads. Uma resenha completa não significa que vc tenha que contar quem é o assassino ou se a mocinha morre no final. É a diferença entre dizer: ‘Não gostei do final’ e ‘Não gostei do final por que a mocinha morre.’
Em blogs, eu noto outros ‘problemas’ (além de erros de Português): muitas ‘resenhas’ são apenas sinopses ou um press release da editora. Ou então têm aqueles posts enormes, que a pessoa conta toda a saga para conseguir aquele livro, quem é o autor, a série, e assim por diante mas se esquece de falar sobre o livro em si.

É algo particular meu, mas ao ler uma resenha eu gosto de ter algumas informações técnicas do livro como o título original, se faz parte de uma série, quem escreveu (sim, já li resenhas que ‘esqueceram’ de dizer quem era o autor!).

Mas não podemos nos enganar pensando que blogs, forums, etc são lugares para ‘resenhas profissionais’ pois queremos ou não, nós não somos profissionais.Como alguém disse, nós escrevemos a nossa 'impressão literária' sobre detreminada obra.


Mas de qualquer forma, acho que uma boa resenha é aquela que fala sobre um livro sem causar ‘gastura’ no leitor.

*
Nossa, falei demais né? E nem sei se fiz algum sentido! :D

Ótimo post, by the way!

Bjos!

Apaixonada por Romances disse...

Adorei as dicas de como fazer uma resenha.
Como leio mais livros de banca,nem sei se faço resenha.

Para quem esta iniciando, seguirei suas dicas ;)


Beijos
Blog Apaixoanda por romances
Se tiver tempo, faça uma visita registrando sua presença ;-)

Enderson Rafael disse...

Oi, Lili! Mto pertinente o post! Acho que o que mais prejudica as resenhas que lemos é o excesso de spoilers. De resto, opinião é opinião. Eu tento fazer isso nas resenhas do meu blog http://endersonrafael.blogspot.com e acho que tenho conseguido. Estou lendo "Um Dia" e o trailer entregou mto tb... Beijo!

Jeanne Rodrigues disse...

Lili,

Particularmente eu brinco no Chá.

Brinco que sei escrever, utilizo o espaço para comentar as "minhas" impressões sobre determinado livro.

Não utilizo técnica nenhuma, só a vontade de transmitir o que achei durante a leitura.

Tem mtas pessoas que fazem uma ótima resenha, sem contar muito do livro, mas em alguns casos, é impossivel nao se empolgar e escrever demais.

Não gosto de resenhas mto longas, acho que perde um pouco o sentido, mas algumas são mto boas, acrescentando dados a história, tornando-se assim tão empolgantes que percebemos logo se aquilo não é enchimento de linguiça ou se a pessoa gostou de verdade.

Uma resenha/postagem contando pouco do livro, deixando suas impressões aqui e acolá, com português bem escrito faz toda a diferença.

Não tenho e nem tive a ilusão que sou uma expert.

Eu brinco de postar, como descreveu tão bem nossa amiga Dé.

E sou sincera sempre, se determinado livro li e não gostei. E vejo que já é tão comentado como excelente eu nem perco meu tempo tentando fazer resenha.

Gosto é como nariz, cada um tem o seu, mas deixa dúvidas sobre a credibilidade de alguns blogs tecer tantos elogios a algum livro que eles tem parceiros. E ao ler, eu me pergunto: Sera que li o mesmo livro ?

Esperando não ter pecado no português..risos...

Com filha em cima querendo o pc, fica qse impossivel me concentrar.

Bjos,



PS: super válido esse post

Vivi disse...

Lili, as considerações ficaram ótimas! Adorei a discussão que elas geraram. E estou admirada com a opiniões do pessoal. Não esperava tanta concordância porque vejo vários posts-dicas sobre como fazer resenhas sendo tão bem aceitas que me assusto por destoar tanto. Sinceramente, me sinto como se estivesse no ambiente de uma faculdade tendo que apresentar uma resenha científica. Mas no ambiente informal de um blog, eu acho que é demais. Para mim, o que é essencial é escrever com coesão, concisão e coerência, ter bom senso quando o assunto é spoiler e evitar contar a história nos mínimos detalhes. Não é receita de bolo, afinal cada um tem seu estilo de escrever e interpretar uma obra, não é mesmo? E isso é que é bacana.

Beijocas no coração!

Erica Melo disse...

Oie! Muito boa a iniciativa de deixar dicas para galera...

To tentando começar um blog tambem, e não sei se estou indo bem ou não, mas como muitas ja disseram tento passar as minhas impressões e ainda deixar um suspense para fazer as pessoas lerem.
Acho que isso é o que vale, afinal a maior parte dos blogueiros não é profissional e nem faz isso com esta intenção.
Continuo tentando sempre, buscando info sempre... Foi assim que vim parar por aki...


Bjkas

Mariane Braga disse...

Olá Lili! Sou seguidora do seu blog e meu blog mudou para um novo endereço: http://blogcognicao.blogspot.com/



Obrigada, abraços!

Ana Claudia Rocha disse...

Olá!!!
Como leitora de blogs, o que procuro e gosto particularmente de encontrar nas resenhas é a impressão da pessoa sobre o livro, a marca que ele deixou na pessoa. Muito além de 'gostei' ou 'não gostei' que acrescentam pouca coisa, é legal perceber o que ficou da leitura. Poucos, hoje em dia, colocam nas resenhas suas impressões sobre o livro, ou sobre os personagens, ou sobre o ambiente em que se passa a narrativa.
As resenhas estão ficando muito mecânicas, no estilo gostei do livro, o personagem A é maravilhoso, a autora fez um excelente trabalho. Uma resenha deste tipo, na minha humilde opinião, não me é útil nem me faria ficar com vontade de ler algo.
Beijos,
Ana Claudia Rocha

Driza disse...

Adorei o post, Lili,
é esclarecedor para quem a carapuça serviu e para aqueles a quem não serviu tb!
Eu não uso mais que duas linhas para citar do conteúdo da história em si, sempre levei em conta que a sinopse está constante no post exatamente para isso. Falo, sim, dos personagens e a impressão que me passam, mas também sem querer analisar demais, já que isso não me compete.
Procuro sempre usar o espaço para expor minhas tão somente opiniões, se gostei ou não e porque, como cheguei até aquele livro etc.

bjks e parabéns pela atitude em expor o tema

Driza

sylviacheleiro disse...

Nossa Lili, como ficou boa as suas dicas e tbm de tds que estão comentando, realmente está dando o que falar.
Obrigada pela paciência de poder me ensinar.
Muito obrigada mesmo, agora pelo ao menos tenho um pouco de entendimento sobre o assunto.Quem sabe até me atrevo a fazer uma resenha...
Agradeço novamente a sua boa vontade.
bjocas. :)

Sonhos & melodias disse...

Oi Lili,
Gostei muito de sua abordagem sobre esse tema. Realmente não é fácil escrever. Principalmente escrever bem, de forma clara, concisa sem "entregar o ouro". Costumo falar sobre os livros que leio procurando sempre expor meu lado de leitora. Não sou crítica literária. No entanto,como bibliotecária, sempre procuro anotar as informações corretas pertinentes ao livro discutido. Sempre vale a pena discorrer sobre esse tema. A gente sempre aprende um pouco mais. Seu blog está cada dia mais lindo. Parabéns!
Bjs

Lili disse...

Oi pessoal!

Muito obrigada pelos comentários tão enriquecedores. Não pensei que fosse gerar uma excelente discussão :)

E obrigada Sylvia pelo incentivo em postar sobre isso no blog.

Que esse post incentive todos a explorar mais sobre esse assunto...

Beijos

Iris disse...

Oi Lili!

Vou comentar antes e depois dar uma olhada nos comentárioss dos outros...
Enfim, o que tento fazer no LF é compartilhar meus sentimentos, mostrar as coisas que eu gostei e não gostei, apontar livros que combinem e as vezes situar a situação do autor para explicar porque a obra é importante - quando falo de clássicos, por exemplo. Tento dar o mínimo de informações possíveis sobre o enredo, só as essenciais. O que tento é compartilhar emoções, sensações e características que vão fazer o leitor chegar a conclusão se quer ou não ler o livro. Tento fazer o blog bem pessoal e não me influenciar pelo que outros blogueiros acham. Tem dado certo até agora :D
Mas já vi muito blog "grande" com sinopse extendida e comentários zero sobre o enredo. Eu acompanho poucos blogs de fato, agora que sei quem tem opinião parecida com a minha e etc.

Rosana disse...

Gostei demais deste texto!
Uma vez até coloquei no meu mural do Skoob sobre isso. Tem muita gente que escreve tão e somente a sinopse do livro como se fosse uma resenha e sinopse a gente já encontra no próprio livro.

Resenhar pra mim é justamente isso...dizer o que vc achou do livro, se gostou ou não... é você revelar suas emoções sobre a leitura.

Uma outra coisa que me incomoda e muito é ver alguém criticando as resenhas, seja minhas ou não, pois a leitura que cada um faz de um livro é muito pessoal. Eu não tenho que gostar de um livro só porque todos gostaram. Acho que o respeito pela opinião do outro, muitas vezes falha e então vem um bando de críticas que não são nada construtivas.

Mais uma vez, parabéns pelo belo texto!

Bjkas

Cíntia Mara disse...

Eu concordo que tem muita resenha, hmm, não tão bem feita, digamos assim. Na verdade, não apenas resenhas, tem muito blog mal escrito, isso é fato. Mas acho meio perigoso recomendar um padrão de resenhas para blogs literários. A maioria deles já são tão parecidos! Normalmente não gosto de resenhas que resumem o livro, mas tem uns dois ou três blogs que fazem isso, mas que escrevem de um jeito que prende a atenção, e acabo gostando. Pra mim, o que falta nesse meio é originalidade. E textos ruins existem porque existe quem os leia ;)

Midiã disse...

Oi Lili, gostei bastante do post. Para mim que estou iniciando um blog literário, sera bastante proveitoso tudo o que voce citou. Eu estava a procura de algum blog ou site que me esclarecesse melhor o que é uma "resenha", mas muitos deles mostravam de uma forma mais tecnica. Mas ao ler seu post fiquei muito feliz, pois era tudo o que eu estava procurando e precisando. Parabés pelo seu blog e muito obrigada pelas dicas. Beijos.

Subscribe